Novela Escrita | Enquanto a Cidade Dorme - Capítulo 08



PARTE 1

Florianópolis – Casa de Luana e Miguel – Eles estão no quarto:

MIGUEL: Posso saber o porquê desta viagem repentina?

LUANA: Você não leu o jornal hoje? O Murilo está vindo para o Brasil! Estará aqui na comemoração do aniversário da empresa do pai dele e, consequentemente, estará em Amora Branca!

MIGUEL: Você quer vê-lo?

LUANA: Quero! Eu preciso disso Miguel, você sabe disso! Você sabe mais do que ninguém que eu preciso ver o Murilo!

MIGUEL: Está bem! Vamos para Amora Branca! Você sabe que sua mãe não vai gostar nada disso!



LUANA: Com minha mãe eu me entendo!

Neste momento, Mariana entra no quarto:

MARIANA: Mãe, eu tenho mesmo que ir para a casa da minha avó?

LUANA: Mas é claro Mariana! Já arrumou suas coisas?

MARIANA: Já sim! Você me disse que passaríamos as férias no Rio de Janeiro!

LUANA: Eu sei Mariana, e nós vamos, em outra oportunidade!

MARIANA: Tudo bem! Estava mesmo com saudade de Amora Branca. Mas fique a senhora sabendo que vou perder uma semana de aula por conta dessa sua pressa!


PARTE 2

Amora Branca – sala da casa de Helena e Tarcísio e Murilo entra com a família.

HELENA: Que saudade estava dos meus netos!

BRENO: Acredite vó, eu estava morrendo de saudade também!

MANOELA: O Brasil me encanta!

GRAZIELA: Você poderia aproveitar e ficar por aqui Manoela, morando com seus avós!

MURILO: Como vocês podem ver, continuamos os mesmos!

TARCÍSIO: Que alegria tê-lo aqui meu filho! Nossa empresa completa 50 anos de sucesso!

MURILO: Muito sucesso meu pai! Não sabe a satisfação que carrego comigo nesses 20 anos em que faço parte de tudo!


Os dois se abraçam – O telefone de Helena toca e ela sai da sala. Na cozinha, Helena desliga o telefone e Graziela aparece:

GRAZIELA: Telefonemas misteriosos sogrinha?

HELENA: Tome conta da sua vida Graziela!

GRAZIELA: Ácida como sempre não é dona Helena?



HELENA: Não venha com ironias para cima de mim Graziela!

Helena sai e deixa Graziela sozinha. Na sala, ela se despede:

HELENA: Meu filho me perdoe, mas eu preciso visitar um cliente. Já estava marcado.

MURILO: Tudo bem mãe, vai tranquila!

HELENA: Juro que não demoro!


Helena sai. Graziela chega até a sala:

GRAZIELA: Helena continua trabalhando Tarcísio?

TARCÍSIO: Têm trabalhado muito nesses últimos anos. Arranjou bons clientes fora da cidade, até mesmo fora do estado!

GRAZIELA: Fora do estado? Nossa, mas que maravilha!



MURILO: Minha mãe ama o que faz!

PARTE 3

Amora Branca - casa de Fernando:

HELENA: Como você se atreve a me ligar? O Tarcísio poderia ter visto!

FERNANDO: Você disse que precisávamos de mais um tempo até você conseguir 

sair daquela casa. Já se passaram vinte anos, Helena! Vinte anos!


HELENA: Eu sei! Só que eu não consigo nada! Já te falei!

FERNANDO: Quando nossa filha foi estudar fora, eu concordei em morar em Amora Branca. Fico o dia todo preso dentro desta casa, você raramente aparece por aqui. Eu não quero mais nada, não quero que descubra mais nada. Só quero que você fique comigo!

HELENA: Tudo o que mais quero é ficar para sempre com você, Fernando!

FERNANDO: Não parece! Olha para a gente Helena! O tempo passou, você não viu? Não se deu conta disso? Nossa filha está com 25 anos. 

HELENA: Não importa! 25 anos atrás, quando tudo aconteceu, eu jurei para você que iria lhe ajudar a provar sua inocência e conquistar tudo que é seu de direito, e eu vou fazer isso nem que seja a última coisa que eu faça na vida.

FERNANDO: Acho que é hora de parar!

HELENA: Não! não é! Sinto que a cada dia que passa a hora de eu ter essas provas em mãos está chegando! Você precisa confiar em mim meu amor. Precisa acreditar em mim! No dia da festa da empresa eu vou conseguir, vai ser o dia perfeito para voltar ao assunto!



PARTE 4

Casa de Joaquim e Eliane:

JOAQUIM: Como é bom receber vocês!

MIGUEL:  A gente estava morrendo de saudades!

ELIANE: Suas aulas já terminaram Mariana?

MARIANA: Ainda tinha uma semana vó, mas a pressa da minha mãe era tanta que irei perder esses dias!

LUANA: Eu precisava vir mãe, não estava mais aguentando a cidade grande! Quando sai de férias do serviço, não queria mais ficar lá!


Eliane puxa a filha para um canto da cozinha:

ELIANE: Porque Luana?

LUANA: Do que a senhora está falando mãe?

ELIANE: Você acha que sou idiota? A cidade toda sabe que o Murilo está chegando hoje na cidade! Porque você veio atrás dele? O que você pretende com isso?

LUANA: - com lágrimas os olhos – Uma explicação! Isso não mudará nada! Absolutamente nada! Mas ele me deve sim uma explicação!

ELIANE: Você não tem que cobrar nada dele Luana! Já se passaram vinte anos!



LUANA: E podem se passar mais vinte. Pode passar até cem anos, mãe! Eu jamais irei esquecer o que ele me fez, jamais irei esquecer o meu filho que perdi por culpa dele! Eu quero uma explicação! E eu vou ter!

Eliane encara a filha.

PARTE 5

Praça central de Amora Branca – o pôr do sol deixa a cidade mais bonita – Mariana para sua bicicleta a beira da calçada, e senta em um dos bancos da praça. Breno também chega de bicicleta e para. Ele senta em outro banco e os dois se olham. Mariana o questiona:

MARIANA: Você é novo aqui na cidade?

BRENO: Não sou daqui, mas meus avós vivem em Amora Branca. Moro no exterior.

MARIANA: É que nunca te vi por aqui. Para falar a verdade não venho muito também. Sou da capital. Meus avós também moram aqui!

BRENO: Que bacana! Quando está na cidade vem sempre à praça? Eu adoro vir aqui desde que sou criança! É como se essa praça fizesse parte de mim!

MARIANA: É uma praça muito bonita! Venho sempre aqui quando visito meus avós. Olha esse pôr do sol que coisa maravilhosa!



BRENO: É muito bonito mesmo!

Breno se aproxima de Mariana. Os dois se olham:

BRENO: Qual seu nome?

MARIANA: Me chamo Mariana, e você?

BRENO: Breno! O meu nome é Breno!

Os dois se encaram. 

FIM DO CAPÍTULO 08

Curtiu o capítulo? Comente!


Postar um comentário

Copyright © Portal Comenta TV. Designed by OddThemes & SEO Wordpress Themes 2018